terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

O entardecer e a magnólia


Ainda em botão, captei-a. Foi um momento bonito. O entardecer e a magnólia.

A árvore da magnólia oferece o significado da simpatia.
Desta forma é uma árvore que reflete o amor para com o natural.

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Mini-sonatas num dia chuvoso

"Compreendi, então,
que a vida não é uma sonata que,
para realizar a sua beleza,
tem de ser tocada até o fim.
Dei-me conta, ao contrário,
de que a vida é um álbum de mini-sonatas.
Cada momento de beleza vivido e amado,
por efêmero que seja,
é uma experiência completa
que está destinada à eternidade.
Um único momento de beleza e amor
justifica a vida inteira."

Rubem Alves

sábado, 16 de janeiro de 2016

É urgente recordar!

Os acontecimentos históricos, logo após o 25 de Abril, fazem parte de uma História tão próxima e tão distante na memória de todos nós... é preciso recordar. É urgente!É urgente, pois a democracia corre perigo. Tudo o que se conquistou está a perder-se!
  Há dias li um livrinho pequenino em tamanho e grande em conteúdo- "Exortação Aos Poetas de Vasco Gonçalves". É urgente recordar!

Fénix

A vida tem momentos bons e outros menos bons. Por vezes, tão dolorosamente inesperados, que nos levam à quase destruição.
  Tal, como a Fénix, o renascer das cinzas é algo sublime. Ter essa capacidade não é de todo fácil, mas é muito bom! Hoje sei -o!

Quem foi Fénix?
" A Fénix é um pássaro da mitologia grega que, quando morria, entrava em auto-combustão e, passado algum tempo, renascia das próprias cinzas... Teria penas brilhantes, douradas, e vermelho-arroxeadas, e seria do mesmo tamanho ou maior do que uma águia..."

O brilho é o que nos dá vida!


sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Apetece sempre mais...

Entrar num local onde os "Dom Rodrigo" chamam por nós é uma doce tentação. Come-se um e apetece sempre mais...


Aqui vai a história...

         Dom Rodrigo

A história dos Dom Rodrigo perde-se na bruma dos tempos, mas é provável que tenham sido confecionados como diz a lenda, pela primeira vez, no antigo convento de S.José, em Lagoa.

       
      Convento de S.José, em Lagoa
   
Diz-se que uma bela jovem plebeia se apaixonou por um fidalgo "D. Rodrigo" que lhe atribuía o seu amor.
Impossibilitados de realizarem os seus sonhos, a jovem refugiou-se para sempre no convento de S. José.
Aí, dedicou toda a sua vida a "D. Rodrigo" criando um doce, em função da sua imagem.
 Assim, criou os fios de ovos a lembrar os seus cabelos ondulados; usou a canela a lembrar os seus lindos olhos castanhos e envolveu-se em prata a lembrar  armadura do seu cavalo.
 E, assim nasceram os Dom Rodrigo com a forma e o sabor que fizeram deles até hoje o ex-libris da doçaria conventual Algarvia.

(texto retirado do panfleto publicitário da "Quinta dos Avós)

 
   

Quinta dos Avós

Descobri este cantinho acolhedor e doce em Algoz - Quinta dos Avós.
Realmente o nome faz justiça à sala que nos recebe de forma simpática... pedimos um chá e, com olhar guloso, observámos a montra dos doces de amêndoa, figo, alfarroba... hesitámos na escolha ( a mim apetecia-me provar de todos).

Fiz perguntas, quis saber... faço sempre isso. Os licores, as compotas, as amêndoas, a farinha de alfarroba decoravam o armário que e trouxe lembranças das mercearias de aldeia.

Vou voltar lá...

domingo, 3 de agosto de 2014

Cómoda/novo design

Duas cores ligadas de forma única ... o desenho cromático que não destrói a harmonia entre elas, numa combinação perfeita.

Esta é a minha obra...